Aurora Boreal – Onde e como ir vê-la?

Eu sempre quis ver a aurora boreal, com todas aquelas luzes dançando no céu. 😉  Mas sempre me pareceu um sonho distante de se realizar.

Mas final de 2012, após ver várias revistas de viagem informando que os anos de 2012 e 2013 fariam parte do pico de atividade solar, produzindo as auroras mais intensas dos próximos 11 anos, pensei que não podia demorar muito para decidir e planejar tudo. Então, tudo planejado, no final de fevereiro de 2014, lá fui eu!

Mas o que é uma aurora boreal?

É um fenômeno visual que ocorre na região do polo norte do nosso planeta. No polo sul também ocorre e é chamada de Aurora Austral, mas não é tão conhecida, pois não existe nenhuma cidade onde se possa vê-la, ficando mais difícil observá-la, a não ser que você esteja em missão militar ou em um cruzeiro. É visível a olho nu no final de tarde ou no período noturno. É mais comum nos meses de fevereiro, março, abril, setembro e outubro. O termo aurora boreal foi dado pelo astrônomo Galileu Galilei em homenagem à deusa romana do amanhecer, Aurora, e seu filho Boreas.

As auroras boreais são luzes coloridas e brilhantes, que ocorrem em devido ao contato dos ventos solares com o campo magnético do planeta Terra.

Quando ocorre uma tempestade solar, há a geração de diversas explosões na superfície do sol, cujas partículas são enviadas para o espaço (ventos solares). Se essas partículas atingem a Terra, ela são refletidas pelo campo magnético, mas uma parte das partículas entra na atmosfera terrestre e ocorre uma variação na sua direção. Ao invés de irem para o polo norte e para o polo sul magnético, elas se dispersam pelo Cinturão das Auroras, região que abrange os polos.

O contato dos ventos solares com os diversos gases da atmosfera provoca as diversas cores das auroras. O azul surge quando os ventos solares entram em contato com o hidrogênio. O vermelho surge quando entra em contato com o nitrogênio e o verde quando se encontra com o oxigênio.

Ok. Mas onde ver a aurora boreal?

São diversos os locais possíveis. Canadá, Islândia, Noruega, Finlândia, Alasca, Groenlândia, Rússia e Suécia. Eu escolhi a Suécia. Por quê?

Porque é quatro vezes mais barata que a Noruega! rsrs E toooooodo mundo fala inglês. Além disso, os suecos são muitos simpáticos com os turistas e estão sempre sorridentes. 😉

A ideia inicial era ir ao norte da Noruega, na cidade de Tromso, mas ao ver os preços de hotéis e alimentação, desisti! rsrs

E não me arrependo! Fiquei três noites em Abisko, na primeira vi uma aurora rápida e fraca, uma faixa verde no céu, assim como no último dia. Mas no segundo dia, apesar da previsão baixa de aurora (por isso não levei a câmera!! – mas consegui uma foto da aurora daquela noite, com um guia!) houve um show de luzes! a aurora dançou sobre minha cabeça! Foi algo tão lindo!! É muito massa como ela se movimenta no céu.

Ahhh não acreditem muito nos sites de previsão de aurora, é interessante apenas para acompanhar. Esse foi o sistema de previsão que ocorreu mais próximo da realidade.

Então, mesmo que a previsão seja baixa, saia e enfrente o frio! Não confie nas previsões!

O guia falava: quer ver aurora? tem que ir para fora!

Eu não tirei foto, mas o guia conseguiu uma foto da aurora daquela noite:

auroraPara ver a aurora boreal é muito importante ter o céu limpo e pouca luz, seja da cidade ou da lua. Eu planejei a viagem para os dias finais da lua minguante, início da lua nova.

E como chegar lá?

Eu fui de TAP até Estocolmo, com escala em Lisboa.

Em Estocolmo, peguei um vôo da SAS para a cidade de Kiruna, no norte da Suécia. De Kiruna, você pega um ônibus ou trem para Abisko, que fica mais ao norte da Suécia.

mapa suécia

Quando você chega no (mini) aeroporto de Kiruna, há um ônibus que o leva para o centro da cidade, custa 40 coroas suecas por pessoa (um pouco menos que 4 euros). O ônibus te deixa numa praça, onde há a agência de informações turísticas. Lá, você pode se informar dos horários dos trens/ônibus para Abisko.

IMG_20140224_124609

Para chegar à estação de trens de Kiruna, há um ônibus gratuito, na agência de informações turísticas, eles informam de onde e quando o ônibus sairá.

IMG_20140224_124205

Onde ficar?

Em Kiruna eu fiquei em dois hotéis diferentes que eu achei no site do Booking. O Hotel Vinterpalatset e o Hotel Bishops Arms Kiruna. Os dois hotéis foram muito bons, o Vinterpalatset eu paguei 1040 coroas e o Bishops Arms eu paguei 1150 coroas. A localização do Bishops Arms é bem melhor. Além disso, o banheiro tem piso aquecido e o quarto é muito confortável. No Vinterpalatset, o quarto estava um pouco frio, mesmo com o aquecedor ligado.

Abaixo, fotos do Hotel Bishops Arms Kiruna:

Hotel Bishops Arms Kiruna

IMG_20140227_162445IMG_20140227_162429O Bishops Arms tem a entrada dentro de um shopping center (!) rsrs e fica em cima de um pub (!). Aliás, a administração é do pub, assim como o café da manhã é servido no pub.

Se eu fosse para Kiruna novamente, ficaria no Bishops Arms.

😉

Em Abisko eu fique no Abisko Mountain Logde. Escolhi um apartamento para dois, mas eles também possuem bangalôs para 4-5 pessoas.

IMG_20140224_180350

O quarto é simples, mas o café-da-manhã é excelente! Gostei do local, pois bastava andar um pouco mais e você já estava numa área afastada para ver a aurora.

O hotel me enviou uma lista com todas as atividades de inverno e pediu que eu informasse quais gostaria de fazer, para garantir a vaga. (Acredite, valeu a pena reservar antes!)

Para os passeios o hotel disponibiliza um macacão para as gélidas temperaturas e botas de neve. O macacão, realmente é muito bom. Agora, as botas… mesmo com duas meias de lã, senti muito frio nos meus pés.

Próximo post: o que fazer em Kiruna e Abisko.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s